quarta-feira, 14 de julho de 2010


Porcos e Pedras Preciosas
Primeiro colocam tudo o que é de mais valioso em seu ser em mãos de cães e porcos existenciais, e depois, acreditando nos contos de fadas, querem que esses porcos e cães se trasformem em príncipes, porém isso jamais irá ocorrer, pois porco é porco… e não gosta de pérolas e sim de babugem e sujeira. Cães não gostam do que é santo e sua natureza furiosa sempre desperta e inclina para o lado ruim e malvado da vida.
O que vejo é gente se entregando a cães e porcos existenciais, pensando que com seu carisma, amor, devoção, e romantismo, irão fazer eles mudarem a natureza. Porém um porquinho, por mais que seja cuidado, lavado com xampu, sabonete, loções aromáticas e perfumado, quando aparece o primeiro chiqueiro ele se lambuza; e aquele que coloca pérolas em seus pescoços terão que ver valiosidades jogadas na lama e dessa realidade jamais poderão fugir. Isso é uma verdade divina, porém a gente pouco atenta para isso.

Rubem Pessoa

2 comentários:

Edivaldo Rossetto disse...

estava por aqui lendo teu blog.. deveria atualizar mais, é muito bom.. cheguei até ele por uma descrição comum, ambos gostamos do filme "Heróis imaginários" .. rsr voltarei mais vezes.. bjus!

Lykah disse...

Brigada, Edivaldo.
Fico contente em saber que o que nos uni é Heróis Imaginários...
Beijos